VIVER ENFERMAGEM EM CUIDADOS INTENSIVOS

segunda-feira, 8 de outubro de 2007

POLIVALENCIA DE FUNÇÕES

Trabalhar numa UCI implica por parte dos seus profissionais todo um vasto conjunto de conhecimentos que abrangem as mais diversas áreas no que toca a assistir a pessoa internada nesta unidade ao mais alto nível.



Começando de "cima para baixo" e a nível do Sistema Nervoso, os enfermeiros terão de realizar uma correcta avaliação neurológica: Apreciação de pupilas, apreciação da força muscular e resposta motora em função do estímulo verbal, saber preencher e interpretar escala de Glasgow, despiste de sinais e sintomas de edema cerebral, choque medular, parésias e parestesias...etc...



A nível do Sistema Cardio-Respiratório e Circulatório, será importante importante a interpretação correcta da auscultação pulmonar, traçados de ECG, agir correctamente no accionar da emergencia aquando da presença de traçados críticos ou potencialmente críticos; manipulação correcta de drogas de suporte vital, entender a sua acção a nível cardiovascular, diluições; preparação de material e apoio em técnicas invasivas: de introdução de cateteres centrais, drenos torácicos, traqueostomias, colocação de linhas arteriais e PICCOs bem como noutras tecnicas não aqui referidas; ser capaz de despistar sinais clínicos indicadores de complicações cardiovasculares e adoptar medidas acertadas em função destes.

A nível do Sistema Locomotor é preciso ter em conta a prevenção das complicações resultantes da imobilidade, por isso o enfermeiro terá que estar atento e ciente das medidas a implementar para prevenção das complicações. Terão que haver medidas programadas para problemas ou risco de problemas, levantadas quer pelo enfermeiro de Cuidados Gerais quer pelo Enfermeiro Especialista de Reabilitação.

No Sistema Gastro Intestinal, deveremos considerar a questão do tipo de dieta a implementar e a eliminação. Numa UCI um doente poderá ser alimentado por alimentação entérica contínua ou por bólus e por alimentação parentérica. O Enfermeiro terá que desenvolver conhecimento nestas áreas de modo a que possa prevenir situações secundárias e decorrentes do tipo de dieta escolhido.
Ainda a este nível e em relação à eliminação, quer vesical quer intestinal, o enfermeiro numa UCI deverá dar muita importancia a estes dois aspectos por serem dados muito importantes que poderão reflectir o estado hidroelectolítico bem como o equilíbrio hemodinamico do doente.

A nível relacional, o enfermeiro que trabalha nestas unidades deverá pensar que tem um longo caminho a percorrer nesta área. Engana-se se pensar que doentes sedados e curarizados não necessitam de comunicação e de afectos...redondamente enganados.
Necessitam e muito, é importante haver por parte dos cuidadores uma atitude positiva no relacionamento com os mesmos, muito cuidado com comentários porque o nosso cérebro é uma inesgotável "caixa negra" que regista tudo o que se passa à sua volta muito para além do que é captado com os nossos sentidos, o nosso cérebro capta também emoções e atitudes presentes no meio e interage com estas.
O apoio que é dado à família tem que ser fortemente suportado em aspectos da relação que motivem e que transmitam confiança, nunca esquecendo que estes passam por fenómenos de crise na família necessitando de "injecções de atenção e afectos".
Ainda na área relacional é importante que se valorize a relação entre os elementos da equipa, terá que haver por parte dos líderes da equipa muita atenção no desenvolvimento da motivação, da relação entre os mesmos, reforços positivos o quanto baste bem como chamadas de atenção adequadas.

A nível da Vertente Técnica, o enfermeiro que trabalha numa UCI devrá ser capaz de pôr no terreno todos os seus conhecimentos técnicos na relação com o doente/máquina em virtude de se estar num ambiente cheio de tecnologia onde terá que haver um KnowHow no dominar das tecnologias ao serviço do Homem.

Polivalencia será pois condição fundamental para quem exerce em Medicina Intensiva, havendo um grande leque de escolha de áreas em que os seus profissionais poderão e deverão desenvolver competencias e aprofundar conhecimentos.

OS 10 POSTS MAIS VISTOS DE SEMPRE