VIVER ENFERMAGEM EM CUIDADOS INTENSIVOS

sexta-feira, 6 de maio de 2016

FIBROMIALGIA... DIAGRAMA DE SINTOMAS... ALGUMAS CONSIDERAÇÕES



FIBROMIALGIA

O que é a fibromialgia?
É um síndrome comum em que uma pessoa tem dor prolongada que se espalha por todo o corpo. A dor quase sempre está relacionado com fadiga, problemas de sono, dores de cabeça, depressão e ansiedade.

As pessoas com fibromialgia também podem ter sensibilidade dolorosa nas articulações, músculos, tendões e em outros tecidos moles.

Causas
A causa é desconhecida. As possíveis causas ou causas da fibromialgia abrangem:

  • Trauma físico ou emocional - Uma resposta anormal à dor. (áreas do cérebro que controlam a dor podem reagir de maneira diferente em pessoas com fibromialgia).
  • Distúrbios do sono.
  • Infecção por vírus, embora não tenha sido identificado nenhum.

A fibromialgia é mais comum entre as mulheres de 20 a 50 anos.
As seguintes afecções podem ser vistos com a fibromialgia ou ter sintomas semelhantes:

  • Dor crônica do pescoço ou as costas
  • Síndrome de fadiga crónica
  • Depressão
  • Hipotiroidismo (baixa actividade da tiróide)
  • Doença de lyme
  • Distúrbios do sono


 

Sintomas

O principal sintoma da fibromialgia é a dor e este pode ser leve ou intenso.
As áreas da dor são chamados pontos de sensibilidade, os quais se encontram no tecido mole da parte posterior do pescoço, os ombros, o tórax, a região lombar, as ancas, as canelas, os cotovelos e os joelhos. A dor irradia-se a pertir destas áreas.
A dor pode ser sentida como profunda, perfurante.
As articulações não são afetados, ainda que a dor pode sentir como se viesse delas.

As pessoas com fibromialgia tendem a acordar com dores e rigidez no corpo. Para algumas pessoas, a dor melhora durante o dia e piora durante a noite. Algumas têm dor durante todo o dia.

A dor pode piorar com a atividade, o clima húmido ou frio, a ansiedade e o stress.

A fadiga, o humor depressivo e os problemas com o sono estão em quase todas as pessoas com fibromialgia. Muitas dizem que não conseguem conciliar o sono ou permanecer dormindo e se sentem cansados quando acordam.

Outros sintomas da fibromialgia podem abranger:

  • Síndrome do intestino irritável
  • Problemas de memória e concentração
  • Dormência e formigueiro nas mãos e pés
  • Redução da capacidade para o exercício
  • Dores de cabeça ou enxaqueca tensional
Para um diagnóstico de fibromialgia, é necessário pelo menos três meses de dor generalizada com um ou mais dos seguintes sintomas:
  • Constantes problemas de sono
  • Fadiga
  • Problemas de memória ou pensamento
  • Já não é necessário encontrar pontos de sensibilidade durante o exame para fazer um diagnóstico. Os resultados de exames de sangue e urina são normais na maior parte do tempo. No entanto, estas provas podem ser feitas para descartar outras doenças com sintomas semelhantes.
Tratamento
O objetivo do tratamento é ajudar a aliviar a dor e outros sintomas, como ajudar a que a pessoa lhe faça frente a esses sintomas.

O primeiro tipo de tratamento pode envolver:
  • Fisioterapia.
  • Exercício e um programa de condicionamento.
  • Métodos para aliviar o stress, como massagem suave e técnicas de relaxamento.
Se estes métodos não funcionam, o médico poderá prescrever um antidepressivo ou relaxante muscular.

O objectivo destes medicamentos é melhorar o sono e ajudar a lidar com a dor.
O medicamento deve ser usado juntamente com o exercício e a terapia comportamental.
A Duloxetina (Cymbalta), Pregabalina (lyrica) e milnaciprano (Savella) são medicamentos que estão especificamente aprovados para o tratamento da fibromialgia.

Também podem ser usados outros medicamentos para o tratamento desta doença, como:
Anticonvulsivos, como gabapentina.
Outros antidepressivos, como a amitriptilina.
Relaxantes musculares, como ciclobenzeprina.
Analgésicos, mas evite os narcóticos, já que normalmente não ajudam.
Ajudas para dormir.

A terapia cognitiva comportamental é uma parte importante do tratamento. Essa terapia ajuda você a aprender como:

  • Lidar com pensamentos negativos.
  • Manter um diário de sua dor e sintomas
  • Reconhecer o que agrava os sintomas.
  • Pesquisar atividades agradáveis.
  • Estabelecer limites.
Os grupos de apoio também podem ser muito úteis.

As medidas que as pessoas com fibromialgia podem tomar para ajudar a cuidar abrangem:
  • Consumir uma alimentação equilibrada
  • Evitar a cafeína
  • Praticar boas rotinas para dormir com o objectivo de melhorar a qualidade do sono
  • Fazer exercício de maneira regular, começando com o exercício de baixo nível
  • Provar com tratamentos de acupuntura e acupuntura
Prognóstico
A fibromialgia é uma doença crônica. Algumas vezes, os sintomas melhoram. Outras vezes, a dor pode piorar e continuar durante meses ou anos.

Prevenção
Não existe uma forma de prevenção conhecida.



Ligação de Origem


PONTOS DE DÔR

LIGAÇÃO DE ORIGEM


Ligação Referencia:




SE GOSTA DA PÁGINA VIVER ENFERMAGEM EM CUIDADOS INTENSIVOS
E AINDA NÃO FEZ LIKE, PODE FAZER ABAIXO.
SE JÁ FEZ, CONTINUE POR AQUI ;)

OBRIGADO A TODOS ;)


OS 10 POSTS MAIS VISTOS DE SEMPRE