VIVER ENFERMAGEM EM CUIDADOS INTENSIVOS

segunda-feira, 14 de março de 2016

TRIAGEM DE MANCHESTER...





A TRIAGEM CONSTITUI

...uma prioridade clínica baseada na identificação de problemas...

A Triagem de Manchester é um sistema de triagem de prioridades que utiliza um protocolo clínico que permite classificar a gravidade da situação de cada doente que recorre ao Serviço de Urgência e desta forma definir prioridades de atendimento, quem primeiro será atendido...

FONTE: GRUPO PORTUGUÊS DE TRIAGEM
A avaliação clínica forma-se a partir da queixa apresentada – o principal sinal ou sintoma identificado pelo doente ou pelo profissional de saúde que motiva o doente a procurar o serviço de urgência. Assim foi elaborada uma lista de 52 fluxogramas baseados nas queixas de apresentação, que abrangem quase todas as situações apresentadas nos serviços de urgência.

A primeira parte do método de triagem requer que o profissional selecione o fluxograma que seja o mais específico possível em relação à queixa apresentada. Depois percorre os discriminadores do fluxograma, escolhendo o primeiro que seja positivo ou que não se consiga negar.
O enfermeiro limita-se a seguir um fluxograma de entre os 52 existentes que o vai encaminhando para determinadas perguntas, consoante as respostas do doente. Ou seja, o enfermeiro tem uma série de perguntas, tipo questionário, que vai fazendo ao doente, e, consoante as suas resposta, o sistema encaminha-o para outras perguntas relacionadas com as queixas em questão, até determinar a prioridade clínica e, consequentemente, a cor da pulseira.

Existem 6 cores disponíveis:
Vermelho: Emergente – o doente estrará de imediato na sala a que se destina e por conseguinte, o tempo de espera será de 0 minutos;
Laranja: Muito urgente – o doente entrará para uma sala de espera interna onde o médico o chamará para ser observado e tratado. O tempo de espera deverá ser até 10 minutos;
Amarela: Urgente – o doente urgente deverá ser atendido dentro de 1 hora;
Verde: Pouco urgente – aguardará na sala de espera a sua vez, que será quando não existirem doentes mais graves para serem tratados. Deve ser atendido em 2 horas.
Azul: Não urgente e o tempo de espera pode atingir as 4 horas.

Embora, em muitos casos, na prática, estes tempos de espera sejam superiores, deve-se à falta de pessoal da equipa de saúde e não à má atribuição da cor da pulseira. O sistema de Triagem de Manchester faz o seu papel na perfeição, no entanto, a equipa de saúde não é o suficiente para o atendimento de tanta gente em tempo útil, o que, pode levar ao agravamento da situação clínica do doente que se encontra em espera.





LIGAÇÕES DE REFERÊNCIA:

http://www.grupoportuguestriagem.pt/index.phpoption=com_content&view=article&id=4&Itemid=110

http://aprenderumacoisanovapordia.blogs.sapo.pt/triagem-de-manchester-mas-afinal-o-19865





OS 10 POSTS MAIS VISTOS DE SEMPRE